Giras de Umbanda

 

Na Fraternidade trabalhamos com as seguintes entidades  PRETO VELHO, PRETA VELHA, ÊRES, OGUN, OXUM, IEMANJA, GUARDIÃO, GUARDIÃ, CIGANO, CIGANA, CABOCLO, CABOCLA,  BOIADEIRO, XANGÔ E  IANSà

 

IMPORTANTE - Em caso de mês que tenha cinco quartas-feiras, na última se repete a linha de Guardião e Guardiãs

1º Semana Êres, Pretos velhos, Pretas velhas  

Pretos velhos ou Pretos-velhos são entidades de Umbanda, espíritos que se apresentam em corpo fluídico de velhos africanos que viveram nas senzalas, majoritariamente como escravos que morreram no tronco ou de velhice, e que adoram contar as histórias do tempo do cativeiro. São sábios, ternos e pacientes, dão o amor, a fé e a esperança aos "seus filhos".

2º Semana Ogun, Oxum, Iemanja e Marinheiro

Os trabalhadores da linha de Ogum  foram normalmente guerreiros ou militares, como os legionários romanos, os cavaleiros das cruzadas, os templários, os sarracenos e muitos outros.

3º Semana Guardião, Guardiãs, Ciganos e Ciganas

Apesar de Guardião ter opinião própria e manifestam em linguagem simples e direta de forma que todos entendam. É ele a entidade mais próxima a nossa realidade e anseios materiais, são especialistas em tratos de magia e desmanche de trabalhos negros, são eles os responsáveis pelo policiamento astral.

4º semana Caboclos,Iansâ, Boiadeiros e Xangô
 

São considerados espíritos de índios que já morreram e que viraram guias de luz que voltam à Terra para prestar a caridade ao próximo, são especialistas em ervas, banhos de descarregos e energéticos, são espiritos de alto conhecimento de vida.